Nem sempre..

              Untitled
     Eu sou o tipo de pessoa que ama se relacionar com outras pessoas que sabem o que querem da vida, quando querem, e não tem medo de realizar aquilo o que querem... Eu sou bem levado para o lado oposto de tudo. Eu amo pessoas educadas, mais nem sempre sou educado, eu amo pessoas cheirosas, e quase nem uso perfume (mentira, uso sempre, não vivo sem). Eu ando um pouco depressivo esses dias, sem saber o que se passa comigo, com meu coração, que anda cada vez mais machucado, mais dolorido.. Eu não sei o que aconteceu.. Sabe o nosso primeiro amor? Realmente, é o que nos marca mais. Eu estou com umas "paixões", que nem pretendo citar aqui, mais eu.. Sabe? Não consigo me relacionar muito bem com essas pessoas, e acho que não dou o devido valor a elas, por que meu primeiro amor, sempre volta a tona na minha cabeça.. E nada mais parece fazer o minimo sentido. É estranho, eu sei. Mais, o primeiro amor... Sempre vai prevalecer, e mesmo que tenha terminado por minha causa... [=[] Sei que o que Deus tem para mim é melhor, ele não tira algo de nós.. Ele nos livra de decepções. No caso.. Ele livrou meu amor de ter uma decepção maior comigo, por que eu quem fui o errado na relação, sempre sou o errado, o do avesso, o do contra, o do lado oposto, o que nunca tem novidades, e o que ama beijos e amassos, mais odeia gente que gruda. Sou assim, e me sinto bem, mais as vezes... Eu só queria voltar no tempo, e refazer tudo de novo. Ou.. Ao menos ter a chance de recomeçar e fazer um novo começo. Só isso.. Então, eu fiz uma seleção que tem me deixado sabe? A DESEJAR, a refletir, pensar sobre o amor, relacionamentos, e sobre tudo o que eu pensei que sentia, ou sobre tudo o que eu sentia... É uma mistura nostálgica de tudo um pouco. Quer um conselho para se dar bem com o amor? Valorize não só as qualidades, mais também os defeitos de quem você ama, o amor não é só beijo e sexo, é além disso... É companheirismo, amizade, é estar do lado, é apoiar, é estar lá quando ninguém mais estiver. Não façam como eu.. Não deixem a vida de vocês virarem uma rua a onde ninguém mais passa... Estou cheio de decepções, e quase sempre me revolto com os outros pelos meus problemas, mais hoje enxergo, que não posso mudar nada em ninguém, se eu não for um exemplo.













A verdade.. É que eu não consegui fazer direito, não consegui ser tudo o que você precisava, e nem pensava no que era o melhor para você. Eu sinto que nada o que eu dizer, pode averiguar o que eu fiz, ou justificar. Mais espero que com quem você estiver.. Que esteja te fazendo muito bem, na verdade.. Muito feliz, a felicidade que eu não fui capaz de lhe dar. [kissu]


LascivaVitor Gabriel. Trabalha atualmente com grandes empresas como o Sebrae/Spfc/Serasa. Quer ser um nutricionista de sucesso um dia, e no momento está escrevendo um livro. Amante das palavras, e da verdade, não mede esforços para falar na cara o que pensa. Presente em mais 35 blogs diferentes, já foi colunista na todateen, isto é, e capricho. Face | Instagram



Nem sempre.. Nem sempre.. Reviewed by Vitor Lessa on terça-feira, julho 23, 2013 Rating: 5

Um comentário

  1. Oi Vitor,

    estou retribuindo a visita ao meu blog seu espaço também é bem bacana! Meu layout foi feito pela Karoline (http://www.karolinevendramini.com) ela é uma fofa e o preço é muito bom em vista de outras pessoas que desenvolvem este tipo trabalho!
    Entre muitos e-mails eu e ela chegamos ao que você viu no Mundo Melissa. O layout sempre dá um up a mais na vida do blogueiro. Desejo sucesso a você ! Beijos Lana

    ResponderExcluir

Filmes