Como falar sobre sexo com meus pais ?

               


             Toda campanha realizada pelo ministério da saúde a respeito de sexo, e educação sobre tal assunto em escolas, faculdades, redes privadas, publicas, ou não.. Apoiam e recomendam a iniciativa de conversa com os pais antes de tomar qualquer decisão. Falar sobre sexo não é tão ruim quando se parece, pode até ser um problema quando se a timidez é de mais, mas com seus pais.. Isso não deve existir ! Suma com a timidez, suma com a vontade de perguntar e pergunte! Não fique na duvida sobre sua primeira vez, em perguntar sobre sexo, sobre sua sexualidade, sobre como eles decidiram isso e aquilo para vida dele, confiar nos pais é essencial. Talvez você que não tem tal liberdade dentro de casa para perguntar para os pais, pergunte para um adulto que você conheça e que seja responsável, o que não pode, é ficar na duvida ! Ou matar a duvida com alguém sem experiência, ou até mesmo pedir conselhos para "taras sexuais" na net, nem todos eles iram ter fornecer a ajuda ou esclarecimentos necessários aos quais você precisa, e nem sempre as informações transmitidas por eles são verdadeiras, já com seus pais, já pode se ter essa certeza de que eles não iram te enganar.

           Fico feliz que você ao menos se preocupou em pesquisar sobre como contar isso para seus pais! Se você está em duvida, e está pesquisando... Provavelmente você tem um ótimo senso de responsabilidade e está em busca das informações e opiniões certas antes de fazer algo.. Afinal, um pouco de coragem, nunca fez mal a ninguém !





Você pode gostar também de:
  • Guia do virgem: O que fazer na primeira noite de sexo? (clica)
  • Saiba o que é orgasmo ! (clica)
  • Saiba a idade certa para se perder a virgindade (clica)
  • Saiba como conversar com seus pais a respeito de sexo (clica)
  • Impressione: Conheça 8 posições sexuais que deixam qualquer homem/mulher louco ! (clica)
  • Alimentos que abrem o apetite sexual (clica)

Como eu disse acima, é importante você falar sobre sexo com seus pais. Sabemos que nem você e nem ninguém quer pegar uma dst (doença sexualmente transmissível) com uma pessoa errada. Vale constar: Nem todos que você conhece a tempos, são sadios, por mais que pareça, USE CAMISINHA !

Sobre doenças: Durante o ato sexual, se seu parceiro não for uma pessoa sadia, conhecida e que você não tem total informações sobre exames médicos, ou da família dele.. É importante que se for ter uma relação sexual, nunca esquecer de usar o preservativo. Existem algumas doenças que podem matar, ou deixa-lo (a) debilitada por anos, até mesmo deixar você "constrangido" aqui, você pode ter noções de algumas dessas doenças, e para preveni-las e importante o uso da camisinha.

As doenças mais comuns: 
Sífilis
O agente causador da sífilis é uma bactéria conhecida como Treponema pallidum. No início, a doença ataca as vias urinárias e genitais, podendo, caso não tratada, espalhar-se para o sistema cardiovascular e nervoso. Gerando uma infecção generalizada, pode levar o doente a morte. Nas mulheres doentes, o aborto e o parto prematuro são algumas das conseqüências.

Gonorréia
Está doença ocorre após o contato com a bactéria conhecida por Neisseria gonorrheae. Causa um grave inflamação na uretra e, quando não tratada, pode espalhar-se pelo sistema genital, vias urinárias, reto e articulações. Se não tratada corretamente, a doença se desenvolve, podendo levar o doente a outros problemas como, meningite, problemas cardíacos e artrite.

Clamídia

A bactéria Chlamydia trachomatis é o agente causador da doença. Ela ataca os canais urinários e sistema genital, causando inflamação nestas áreas. Se não tratada, pode chegar a uma infecção crônica, gerando a infertilidade no homem. Em mulheres, as complicações também são graves: infertilidade, dores pélvicas, formação de abscessos, entre outras complicações.

Tricomona
Esta doença é causada por um protozoário do gênero Trichomonas Donne. Este protozoário pode instalar-se nos sistemas genital e digestivo. Provoca quadros inflamatórios na uretra dos homens e no canal vaginal das mulheres. Embora não acarrete complicações mais sérias em sua fase evolutiva, a doença pode facilitar a disseminação da infecção por HIV.

Candidíase
Esta doença é uma das causas mais comuns de infecção genital. Os sintomas são coceira, ardor e corrimento vaginal semelhante a nata do leite. É mais comum em mulheres, causando inchaço e vermelhidão no órgão sexual feminino. As lesões podem se espalhar pela virilha. Apesar do mais comum ser a transmissão via relação sexual, existem outros fatores que colaboram para isso: uso de anticoncepcionais,antibióticos, obesidade, diabetes melitus, gravidez e uso de roupas justas. O principal agente da doença é o fungo Candida albicans.

Herpes genital
Causada pelo vírus herpes simplex (tipo 1 ou tipo2). Surgem lesões dolorosas, de tamanho pequeno, na região genital (mucosa e pele). O período de incubação do vírus é de, aproximadamente, 25 dias. 

Para mais informações:
  • Saiba a idade certa para se perder a virgindade (clica)
  • Saiba como conversar com seus pais a respeito de sexo (clica)



LascivaVitor Gabriel. Trabalha atualmente com grandes empresas como o Sebrae/Spfc/Serasa. Quer ser um nutricionista de sucesso um dia, e no momento está Estudando sobre sexo, ao qual dedica 55% por do seu tempo livre. Amante das palavras, e da verdade, não mede esforços para falar na cara o que pensa. Presente em mais 35 blogs  .Ama ler, falar a verdade, compor, escrever, rabuscar, ser livre, amar intensamente.Face | 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.