Filme/Resenha : Alguém tem que ceder.


Eu já havia sim, assistido a este filme umas bilhares e centenas de vezes, e sempre o tive salvo no meu computador, porém nunca se passou pela minha cabeça falar sobre ele. Afinal eu já falei sobre vários filmes aqui, inclusive temos uma tag para isso que a "movie".


Alguém tem que ceder conta a vida de uma escritora de peças de teatro chamada Erica Berry e de sua filha Mery e um começo inusitado e tanto.  No inicio o filme passa de primeira mão o que acontece de mais na nossa vida, uma coisa tão comum: Homens mais velhos que namoram garotas mais jovens, fazendo assim a exclusão de mulheres mais velhas, que por fim acabam sozinhas e se tornando mais interessantes e mais produtivas (zooey).

Harry Sanborn começa a sair com Marin (Amanda peet) filha de Erica Berry (Diane Keaton) e acaba tendo um infarto durante a sua estadia na casa de Erica, e para infelicidade de Erica ele não pode voltar para casa, pois o médico do Hampton Park Julian Mercer, deseja acompanhar todo o processo de recuperação do paciente. O tempo é quem vai decidir o que você vai achar ou deixar de achar neste filme.

Sempre com uma boa dose de humor, e para lá de romântico, recebeu criticas invejáveis de todos os locais onde foi exibido. Marin por ser jovem e ter uma linda vida produtiva, acaba conhecendo outro cara, e deixando a passagem livre para sua mãe, que por fim acaba se apaixonando pelo ex namorado da filha. Mas o filme não se resume a isso, tem muita coisa que você precisa ver antes de tomar suas decisões a respeito do que vai ou não acontecer no filme. Você arrisca um palpite?  Errei todos os meus, mais quem sabe você consiga decifrar o fim deste romance.

Por que ao invés de decifrar não vemos juntos? Dê play abaixo, e conte-nos sobre o que achou do filme! 



Elenco:
  • Jack Nicholson como Harry Sanborn, com 63 anos, auto-satisfação de playboy e socialite que possui dez empresas, incluindo a revista e a segunda maior gravadora de hip hop do mundo. Tendo uma libido muito mais jovem do que sua idade, ele apenas tem encontros com mulheres com menos de trinta anos de idade.
  • Diane Keaton como Erica Barry, uma bem-sucedida mulher de 56 anos de idade, divorciada e dramaturga da Broadway, em parte vivendo em uma luxuosa casa de praia em Hamptons. Tendo sobrevivido a seu divórcio sem grande amargura, ela vive uma vida tranquila de realização profissional e desengano amoroso.
  • Keanu Reeves como Julian Mercer, médico de 36 anos de Harry. Ele também é um grande fã de Erica, com quem desenvolve uma relação.
  • Amanda Peet como Marin Klein, filha de Erica, uma leiloeira de 29 anos, trabalhando para Christie's.
  • Frances McDormand como Zoe, irmã de Erica.Ela é professora de Estudos da Mulher na Columbia.
  • Jon Favreau como Leo, assistente pessoal de Harry.
  • Paul Michael Glaser como Dave Klein, pai de Marin e ex-marido de Erica. Ele dirige peças de Erica.
  • Rachel Ticotin como Dr. Martinez, o médico ER
  • KaDee Strickland como Kristen, a noiva de Dave. Ela é médica de uma orelha, nariz e garganta que é dois anos mais velha do que Marin.
  • Peter Spears como Danny Benjamin, o marido de Marin próximo do final de filme.
  • Fonte: Wikipédia.

Créditos e curiosidades sobre o filme:
  • O título original do filme é uma homenagem a uma música de mesmo nome de 1954, de Johnny Mercer. O nome do personagem de Keanu Reeves é uma homenagem ao cantor.
  • Esta é a 2ª vez em que Jack Nicholson e Diane Keaton atuam juntos. A anterior fora em Reds (1981).
  • Jack Nicholson canta a música "La Vie en Rose", durante os créditos finais.
  • Alguém Tem Que Ceder é o 3º filme da diretora Nancy Meyers. Os anteriores foram Operação Cupido (1998) e Do Que as Mulheres Gostam (2000).
OSCAR
2004
Indicação
Melhor Atriz - Diane Keaton

GLOBO DE OURO

2004
Ganhou
Melhor Atriz - Comédia/Musical - Diane Keaton
Indicação
Melhor Ator - Comédia/Musical - Jack Nicholson
Filme/Resenha : Alguém tem que ceder. Filme/Resenha : Alguém tem que ceder. Reviewed by Vitor Lessa on domingo, dezembro 07, 2014 Rating: 5

Um comentário

  1. Nunca assisti este filme não, mas por essa resenha do blog eu pude entender que vale a pena assistir o filme. E por ser romântico com um pouco de humor é um dos estilos de filmes que mais gosto de assistir. Gostei da resenha! Parabéns :D

    ResponderExcluir

Filmes