5 Coisas que toda mulher odeia que se force na cama


O texto que se segue, foi enviada por uma colaboradora do blog, que prefere não se identificar. A narração contém palavras de baixo calão. Se você se ofende com facilidade ou não está acostumado/a a falar abertamente sobre conteúdos sexuais, é preferível que não continue a leitura.


Primeiramente queridas leitores e leitores, fiquem sabendo que: Vocês não são obrigados a fazer certas coisas na cama simplesmente por que seu parceiro ou parceiro vai ficar chateado com você. Algumas coisas realmente são desrespeitosas e só devem ser praticadas quando ambos estiverem afim ou acharem que o momento de inovar chegou.

Insistir para sua parceira/o fazer algo que não gosta na cama, é quase como você andar na rua, e um vendedor de porta a porta ficasse insistindo com você para você levar tal produto, e quase te oferecer aquilo de graça, mas assim mesmo: Você negar. Por que é uma situação CHATA! Ninguém gosta, de uma pessoa no ouvido o tempo todo "Vai amorzinho, faz isso, faz aquilo, ai amor, eu tô com tesãaaaaaaao". Porra cara, que chato, ninguém gosta !

Mulheres: Quando um homem insistir para fazer algo que vocês não queiram, peça para eles para você faz com ele duas horas de fio terra que você topa o que ele quer. Não há homem no mundo que irá continuar enchendo o saco com pedidos desproveitosos.

Depois de muito ficar enrolando, vamos aos itens que enchem os homens de tesão e que podem sim (facilmente) ganhar qualquer homem na cama.

É claro que toda mulher gosta de homem com atitude na cama, não é mesmo ? (e fora dela também). É sempre bom ter aquele homem que te pega forte, de jeito, te beija e sabe a hora certa de parar e te tratar com o jeitinho que toda mulher ama. Porém, todos os homens gostam sim de mulheres safadas, fogosas, e que não precisam de convites para fazer certas coisas, não é mesmo ? Vamos citar algumas:

Sexo oral: Tem coisa mais broxante para uma mulher do que ouvir de um cara um pedido de "boquete?" Não tem, afinal isso tem que acontecer naturalmente durante o ato sexual, sem ele pedir ou ficar forçando a cabeça dela para baixo, como se tudo dependesse da boca dela no pau dele. É chato para ela (você não entende, por que não é com você).

Gozar na boca: Cara na moral, eu já fiz isso ! (Já sim, e dai?). Porém acho que: Pode acontecer de a mina deixar e depois cuspir (e o cara broxar em seguida), ou ela engolir, e querer beijar ele, e ele não deixar (Caralho, por que gozou na minha boca, se tá com nojo do seu esperma? Se eu tivesse recusado, talvez você deixasse as frescuras de lado!); ou: Ambos podem curtir, né? Ela toma, beija, enfim. O mundo é livre, e vocês fazem na cama o que bem entenderem.

Porta dos fundos: Se você soubesse o quanto é horrível a primeira vez no sexo anal, você não pediria isso para sua mulher. Até mesmo por que ela vai sentir uma dor horrorosa, e se você for aquele tipo de cara que diz "Libera, eu vou com jeitinho..." é bom ir com jeitinho mesmo, por que não tem coisa mais dolorida na face da terra que liberar a porta dos fundos. Na hora de tentar uma penetração com sua parceira (caso ela deixe na porta dos fundos), tenha sempre em pensamento "ai se fosse o meu".

Fisting: Não é normal nos dias de hoje um cara pedir para enfiar uma mão/pé na vagina da companheira...Ou para você é? Enfim, gosto é gosto.

Bukkake: É aquela arte de gozar no rosto da companheira, é conhecido por muitos como "banho grego" por que o cara tem que estar muito excitado a ponto de banhar a companheira com esperma, não é mesmo ? E cá entre nós é tão nojento quanto na boca.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.