5 Dicas infalíveis para quem quer ingressar em um relacionamento aberto



Nem todas as pessoas no mundo estão prontas, ou preparadas psicologicamente para pensar em ter agora ou futuramente um relacionamento aberto. Eu diria que algumas pessoas tem até medo de se relacionarem abertamente com seus parceiros, por alguns tabus e medinhos que não fazem sentido - quando referidos a relacionados abertos -.

Talvez você pertença aquele grupo de pessoas com pensamentos fundados na possessividade da pessoa amada, "Se eu topar, ele pode se interessar mais nela, do que em mim", ou até: "Ele pode querer me deixar para ficar com ela".

Separei cinco tópicos que podem levar você a pensar á aderir um relacionamento aberto com seu companheiro, e parar de enxergar somente o que os outros te falam, ou o que a sua cabeça tenta criar, deixando que o ciumes fale mais alto do que a própria vontade de estar em um relacionamento aberto.

Para você que não tem noção do que é um relacionamento aberto, funciona da seguinte forma: 
    Relacionamento aberto é a relação afetiva em que os parceiros envolvidos concordam com uma forma de não-monogamia (relacionamento á dois). , de modo que relações afetivas/sexuais com terceiros possam não ser consideradas traição ou infidelidade.
Em outras palavras: Permitir que seu namorado, namorada se relacione com outras pessoas tanto afetivamente quanto sexualmente. Algumas pessoas tem consigo de que um relacionamento aberto não funciona pelos seguintes motivos:

1. - Achar que é impossível se relacionar afetivamente com mais de uma pessoa;

2. Medo do abandono por parte do parceiro;

3. Ciúmes excessivo;

4. Não se sentir pronto/a;

Porém, existe sim uma forma de você conseguir ter um relacionamento aberto, e estamos aqui para poder te ajudar, citando cinco tópicos para te levar a uma reflexão e análise de sua vida amorosa para apostar todas as suas fichas, sendo elas.




1. Relacionamento aberto são para pessoas de mente aberta;

Não adianta achar que vai ser legal dar para dois caras sem que um sinta ciumes do outro, ou foder com duas gatas e achar que vai ser as mil maravilhas, se você só está olhando para o seu próprio taco. Se você é do tipo de pessoa que busca prazer a todo custo, e acha que um relacionamento aberto pode te proporcionar este prazer, você pode afundar e muito a sua relação, ou pior: Destruí-la. 

Tudo bem, você acha bacana, e já ouviu falar e até conversou com seu parceiro/a, sobre o lance para ambos pensarem, porém, ambos tem que pensar juntos. Se você pensar em apenas receber prazer para si na relação tendo duas ou mais opções, você pode quebrar a cara, por que um relacionamento aberto não dá um passe livre apenas para você, mas também para o seu parceiro/a.

Se você é do tipo possessivo em um relacionamento, seria bom não entrar nessa onda. Fora que seria muita falta de consideração seu/sua parceiro/a aceitar um relacionamento aberto, e você ficar com ciúmes desnecessário, ou crises existenciais querendo mais atenção para você do que para os outros, e é pior ainda quando quem propôs o relacionamento aberto, foi você.




2. Só se relaciona abertamente, quem quer um relacionamento aberto;

O que quer dizer isso ? Quer dizer que seus medos idiotas (desculpe-me, mas são) de perder seu companheiro para outra mulher, ou outro homem ou seja lá com quem ele está afim de se relacionar é uma total perda de tempo. 

As pessoas que querem e buscam um relacionamento aberto, tem a mente tão aberta, que isso de se apegar a outras pessoas que vieram depois de você, é impossível de acontecer, e se você não pensa assim, é melhor procurar outra pessoa e viver em um relacionamento monogâmico mesmo.

Da mesma forma como você se cansa do seu namorado, ele também pode se cansar de você, e se um dia o relacionamento acabar, eu duvido que o motivo será o relacionamento aberto, e se for... Você irá descobrir que faltou diálogo na hora de tomar essa decisão, aliás, ambos precisavam saber o que estava em jogo.




3. Suas paranoias, não podem impedi-la (o);

Se você tem plena consciência de que seu namorado está em um relacionamento com um outro alguém e a sua consciência está limpa quanto a isso, está tudo bem. Você não tem que dar ouvidos, ou ligar para o que os outros vão dizer sobre o que foi dito no tópico 2.

Estar em um relacionamento aberto é ser livre ao mundo e aos prazeres que ele pode proporcionar. As pessoas que buscam relacionamentos assim, não gostam de se sentir prezas a nada, e você só irá levar um "pé na bunda", quando as suas paranoias começarem a querer prender demais a pessoa do seu lado, tirando a sua liberdade.



4. Relacionamento aberto é liberdade;

SIIIIIIIIIIIIIM! Liberdade. Não existe coisa melhor do que você ser livre para fazer as escolhas que quer. Você e seu companheiro (a), podem se sentar e conversar sobre quem será a terceira, quarta, quinta pessoa que entrará no relacionamento de ambos, ou simplesmente deixar fluir por livre escolha de cada um.

Estar em um relacionamento aberto não significa que só por que você está com seu namorado e um outro cara, o seu namorado será obrigado a ficar com aquele cara também, engana-se quem pensa que é assim que funciona as coisas. Como a definição lá em cima disse (e muito bem dito), se relacionar abertamente é poder ficar com outras pessoas sexualmente e afetivamente sem ser considerado uma traição.

A maioria das pessoas tem em suas cabeças, que relacionamento aberto é como se o companheiro adotasse uma mulher, ou um homem qualquer no qual ele sente tesão e introduzir entre os dois. A partir do momento em que isso acontece, começam os pensamentos do tipo "Eu não sou obrigado a beijar a mulher que meu namorado quer colocar entre nós", como se isso fosse de fato acontecer, por isso é bom tomar conhecimento do assunto antes de querer entrar na onda, por que quem entra no mar, sem saber nadar, entra para se afogar.




5. Você não é obrigado, mas ele também não;

Se você não quer estar em um relacionamento aberto mesmo que seu namorado queira, você não é obrigada. E se ele não te der saídas, o jeito é terminar e cada um seguir a sua vida. Por mais que você goste daquela pessoa, assim como você não se sente obrigada a mergulhar em um relacionamento aberto, ele também não é obrigado a continuar com você, você fez sua escolha.

Pense com cautela, conversem e veja se há outras soluções, medidas, conversas, e se você ficará realmente bem no meio disso tudo. Não queira um relacionamento aberto somente por que as outras pessoas disseram que é legal, ou que as coisas serão mais excitantes, se você não tem cabeça para ver quem você ama beijando outra pessoa.


- Redação, Catraca Seletiva.

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.