O que podemos aprender com Orações para Bobby


Eu sou gay, e honestamente não tenho mais nada para dizer, vocês não precisam saber muito de mim, meu nome está no rodapé, minha idade, e isso já basta. Aconteceram coisas estranhas comigo durante toda a minha vida, e por momento algum eu gostaria que acontecesse com amigo, parentes, conhecidos, ou com qualquer outra pessoa. Como ficar em paz consigo mesmo, quando tudo o que está ao seu redor, parece conspirar contra você, ou desabar em cima dos seus sonhos.

Do nada você começa a se sentir diferente, deslocado dos demais, e começa olhar casais ao seu redor, que se beijam com frequência, e você não vê como eles, nem nos momentos mais simples do seu cotidiano. Um café com os amigos deixa de ser a experiência gostosa e tranquila de sempre, quando você sente no seu íntimo que nada mais será igual.

Orações para Bobby é um espelho de tudo o que eu vivi até hoje: Homossexualidade e religião. A guerra de aceitação que Bobby teve com seus pais por um sentimento de igualdade e aceitação dentro de sua casa, e dentro de toda a sua esfera religiosa, eu tive... Mas, comigo mesmo.

Desde sempre fui cristão, desde sempre dentro da igreja, caminhando com cristo, e me sacrificando dia após dia, sendo o cristão mais frequente e assíduo da igreja, e eu sentia que aquilo o que eu sentia, podia ser curado por Deus - Eu não podia ser gay.

Por um momento na minha vida eu descobri uma igreja que era diferente de todas as outras, uma igreja inclusiva - Que nos meus olhos era deplorável, era algo abominável, e eu não consiga me ver ali dentro, ou até mesmo aceitando as ministrações, na minha cabeça, era tudo verdade distorcida - mentira dos fatos relatados na bíblia. Cheguei a conversar com um adepto da igreja, ele começou a me fazer ver o quão a minha visão estava enganada, o quão estava destruída, o quão as pessoas tem se julgado - sem ao menos se dar a oportunidade -.

Eu era gay, e a minha homofobia, era contra eu mesmo, e hoje eu posso dizer: Que eu sei que Deus está com seus olhos voltados para mim, e que a minha missão, é ajudar outras pessoas que como eu tem, ou tiveram ou pensaram em se matar, por que tudo ao seu redor mudou completamente quando veio essas sensações, quando veio estes sentimentos, esses desejos, essas vontades - que eu não podia, e nem posso controlar.

Pessoas que preferem esperar seus pais morrerem, do que dizerem para ele, o que são, como são, e viver uma mentira, com alguém que não gosta, só por que a irmã tem um namorado, e ele (a), não. Pessoas que dentro dos seus corações se sentem obrigadas a ficarem presas com um alguém que não gosta, por que sua casa não os apoia, e nem os respeita.

Pessoas que tem medo, de serem como são, por que ouvem repetidas vezes em jornais e blogs, e veículos de comunicação digital: Que gays são nojentos, que merecem a morte, que são a escória do mundo, e que todos os dias, mais e mais homossexuais morrem. E nós não podemos virar os olhos para essa realidade.

Acho que já falei demais, vamos aos aprendizados que me fizeram estar aqui hoje desabafando com todos vocês.



1. Seja quem você é, não quem querem que você seja

Você não pode mudar o fato de ser diferente do mundo, e nem obrigar as pessoas a te aceitarem, mas fica muito mais fácil, quando você mesmo se aceita, e acredita que pode e vai mudar o mundo. Você não pode viver das idealizações que seus pais e amigos fazem de um homem de bem. O homem bom não é aquele que se casa com uma mulher e tem filhos e vive aparentemente sem problemas - E o caráter de uma mulher não pode ser medido, muito menos pelo fato de ela ter ou não um  marido.

A aceitação é o primeiro passo para vencer todas as barreiras. No filme, vemos claramente que Bobby tem problemas de aceitação consigo mesmo, mas ele se dá a oportunidade de ser feliz, mas ele estava desorientado, e sem ter com quem conversar e com a cabeça confusa. E a partir de hoje, toda essa confusão irá sair - Você sabe quem é, você tem nome, idade, cpf e endereço, e ninguém pode mudar quem você é - muito menos a forma como a qual você nasceu.

A sua cabeça vai estourar e seus problemas irão se multiplicar caso você não se aceite e nem tenha vontade de mudar de vida. É com a aceitação que você vai mudar o mundo, principalmente a opinião daqueles que não te apoiaram - ainda que estes sejam os seus pais - .



2. Não existe cadeado sem chave, tudo tem solução;

O amor vence tudo neste mundo, e você pode vencer todas as barreiras amando a tudo e a todos, mesmo com os olhos cheios de lagrimas, você pode e consegue olhar para o seu redor e dizer "eu sou capaz de ir além". As pessoas tem na cabeça, que quando um problema surgir, elas não vão saber como reagir, mas só o fato de você estar pensando em uma solução, já te faz estar agindo.

As pessoas que antes falavam com você e agora não falam mais, estas não merecem a sua companhia, mas merecem o seu perdão, pois padecem de um mau que circunda o mundo nos dias de hoje: Orgulho.



3. Você só vai saber o gosto, quando experimentar;

Se você ama alguém que é do mesmo sexo que você, dane-se o resto do mundo, você não deve satisfação á ninguém, e ninguém manda nos direcionamentos que o nosso coração segue.

Você nunca vai saber como é superar o preconceito, enquanto não senti-lo de perto. Infelizmente uma hora ou outra, de forma direta ou indireta, você irá sentir, e ele estará sempre ali - Mas, você estará pronto para quando ele vier te procurar. Você nunca saberá como é agir em uma situação de desespero - e eu espero que não seja preciso passar por uma, para aprender -, até que alguém se desespere, e a unica chave da saída, for a fé.

Se você viveu até hoje com medo, e sem saber o que fazer... Hoje você sabe.



4. Controle suas emoções

Você pode ser a pior pedra do mundo e já ser ou não assumido há mais de três ou quatro anos, mas todos nós iremos passar por grandes aflições na nossa vida. O auto controle de suas emoções são os que irão te guiar, e te fazer repensar na sua vida, e você saberá como agir: Quando estiver sozinho, frustrado, sem chão, achar que ninguém liga para você. Bobby, tinha problemas de aceitação, ele não aceitava quem ele era no inicio, e tudo isso gerou medo e mais medo, no filme, você pode ver claramente pelos relatos deixado pelo jovem no diário.



5. Há uma saída, e ela se chama: Ser feliz

Lute pelos seus direitos, dedique-se a coisas e pessoas e passa tempos que você ame. Ninguém neste mundo pode e nem deve te fazer sentir menos que os outros em momento algum, não existe caminho para felicidade quando se está perdido, e você só se perde quando você não sabe quem você realmente é - e a partir de hoje, você saberá, e vai se aceitar, e não vai se perder mais, por que o caminho sempre esteve na sua frente.

As pessoas não podem influenciar diretamente no que você pensa, quer ou deseja. Se você quer... Vá em frente.
O que podemos aprender com Orações para Bobby O que podemos aprender com Orações para Bobby Reviewed by Vitor Lessa on sexta-feira, janeiro 22, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário

Filmes