Senso comum maquiavélico

GOOGLE IMAGES

Senso comum é a forma de pensamento exercida pela maioria das pessoas que não exige um pensamento aprofundado para se perpetuar. Um senso comum que podemos - e iremos - citar hoje é a ideia de que Nicolau Maquiável tenha sido de fato uma pessoa maquiavélica.

O termo maquiavélico usado para caracterizar maldade humana é um senso comum comutado pela grande maioria das pessoas devido à um erro básico de interpretação de texto, mais precisamente falando de sua obra "O príncipe".

O príncipe de Nicolau Maquiável é considerado uma obra clássica e relata de forma direta e sem discrepâncias como a política de fato é, e não como acreditamos ser.  Mesmo tendo uma visão futurista sobre o que atualmente chamamos de política Nicolau conseguiu engatar com seu livro no topo dos mais polêmicos do mundo, e o motivo de tanta polêmica é apenas erro de interpretação de texto.

O termo maquiavélico nasceu após um pensamento circular inverter um pensamento exposto pelo autor em sua obra alterando seu real significando interpretando de forma pejorativa as reais intenções do autor em relação à obra.

"Os fins justificam os meios" é uma frase que não se encontra na obra de Maquiavel, mas contudo, acabou se tornando uma forma de pensamento tradicional Maquiavélica.

A pejoratividade expressa no pensamento comum é a ideia de que Maquiável tenha incitado a ideia de que um governante não deve medir esforços para se manter no poder, na autoridade não importando os meios e nem os métodos usado para o fazer.

Caso você ainda não tenha o grandioso prazer de ler a obra, faça-o de imediato. Você também pode ler nossa análise/resenha clicando aqui

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.