Header Ads

10 Autores nacionais para começar a amar em 2017

De cima para baixo da esquerda para direita: Nícolas Castalano, Diego Martello, Robson Gundim, Vinicius Grossos, Eliel Barberino, Diogo Cysne, Taty Machado, Lycia Barros, Yohana Sanfer.

A literatura tem crescido fortemente no Brasil, e consequentemente, novas editoras vão abrindo as portas, novos talentos vão surgindo, novas estantes vão se lotando, e claro, novos sonhos se realizando. O que não falta no Brasil hoje é editora, atualmente o país tem ao todo mais de 400 editoras, isso claro, as mais conhecidas. 

Com o crescimento do mercado literário, as empresas vem aumentando a demanda, todos querem publicar os livros do momento, querem vender para aumentar a visibilidade da marca da empresa impressa no livro. Só existe um problema no mercado literário da atualidade: As editoras que se dedicam de fato a publicar livros nacionais representam menos de 2% no mercado, e isso é preocupante.

Pensando na expansão do mercado literário, na escassez de referências de autores nacionais, decidimos fazer um top 10, isso mesmo. Dez autores brasileiros que você PRECISA conhecer com urgência, e claro, suas respectivas obras. Abaixo:







SAIBA MAIS+
ROBSON GUNDIM é natural de Gandu, interior da Bahia. Reside em Vitória da Conquista. É estudante universitário de cinema, desenhista e escritor, e assumidamente apaixonado por livros lovecraftianos e filmes tarantinescos. Autor da série de livros Entre o céu e o mar e Sacanas do Asfalto, também participou das antologias O último dia antes do fim do Mundo, The King e Amores Impossíveis.






Vinicius Grossos é um dos autores mais incríveis da literatura nos dias de hoje. Aos sete anos de idade tinha o sonho de trabalhar em uma livraria, somente para poder ler tudo o que tinha vontade e tudo o que fosse possível - Na mesma mesma época escreveu e ilustrou seu primeiro livro, e desde então, não parou mais. Vinicius é autor de dois grandes livros de sucessos que você precisa conhecer: O garoto quase atropelado e 1+1 a matemática do amor.





Yohana Sanfer é taurina, vascaína, tem trinta anos e mora em São Gonçalo - RJ. Formada em Serviço Social pela UFF, pesquisadora por profissão, sonhadora por teimosia e refém das letras porque não se contenta com a vida em preto e branco. Escreve no blog Papel, Palavra, Coração desde 2010, é colunista do Curta Crônicas desde 2011 e criadora da recém-lançada livraria virtual Sanfer Livros, que já reúne diversas obras e autores das literaturas nacional, contemporânea e independente. O livro "Da boca pra dentro" (2013) é sua primeira publicação literária e uma tentativa de eternizar no papel, os sentimentos e sonhos que não cabem no peito.




Thati Machado tem 24 anos e mora em Niterói – RJ. Suas paixões são muitas: os livros, a escrita, os palcos, a lente das câmeras... Começou a escrever poemas e versos aos doze anos. Aos quinze escreveu sua primeira peça no colégio. Logo em seguida começou a escrever histórias para publicar em redes sociais. Alcançou a marca de mais de 3.500 membros na comunidade de suas histórias e cada uma de suas páginas tinha mais de dez mil comentários. Estudou artes cênicas e publicidade, trabalha como modelo Plus Size, é blogueira literária no www.nemteconto.org e todo o restante de seu tempo é destinado às histórias que habitam sua mente. Atualmente possui um livro físico (Ponte de cristal), duas obras na Amazon (Com outros olhos & Papel, caneta e ação) e a mais recente (Poder Extra G) está disponível no wattpad.


Marianna nasceu no Rio de Janeiro – RJ, onde morou até os 12 anos. Quando criança mantinha um diário onde escrevia uma versão fictícia do que acontecia no seu dia a dia. Com o tempo, essa paixão evoluiu para fanfics de desenhos e novelas até passar para a criação de trabalhos originais. Formada em Comunicação Social pela UFJF, atualmente trabalha com planejamento e marketing digital na Trópico Propaganda em Juiz de Fora - MG.




Nicolas Catalano é paulista e tem 21 anos. Formado em Comunicação Social e Informática, é amante de coral, música, filmes, videogame, redes sociais, pessoas colecionáveis e café da tarde. À medida que os anos se passaram, Nicolas sentiu extrema necessidade de criar e expressar histórias aos outros; quis tornar-se um escritor. Desde então, vem escrevendo contos, crônicas e ficções pessoais. Em 2011, prestes a lançar uma de suas histórias, teve a infelicidade de tê-la furtada. Porém, mesmo assim, não se abateu e continuou a escrever. Atualmente, ele vive em harmonia com sua família “nada normal”, no sudeste de São Paulo.







Eliel Barberino nasceu no Rio de janeiro, em 1983. Estudou Ciências Sociais na Universidade Federal do Rio de janeiro. . É um pesquisador independente. Como zumbiólogo tem se dedicado como entusiasta a entender a questão do zumbi como um fenômeno cultural.






Nascida em 8 de junho de 1976, Lycia Barros se afirma como uma das grandes apostas para a literatura nacional. Atualmente, a autora mora com o marido e os filhos em sua cidade natal, Rio de Janeiro. Lycia cursou Letras na UFRJ e levou o amor aos livros para sua profissão.Seu primeiro romance, o livro “A Bandeja, qual pecado te seduz?”, foi vencedor do prêmio literário CODEX DE OURO 2013 como melhor romance brasileiro e também foi finalista do prêmio Areté de literatura, e será reeditado pela editora ARQUEIRO em 2014. Hoje, com 8 livros publicados, a autora dá palestras por todo Brasil e ministra cursos de escrita para novos autores.










DIEGO MARTELLO é formado em Administração e Comércio Exterior. Trabalha com projetos automobilísticos, especialmente na área de Compras - Nacionais e internacionais. Tem a leitura como o seu principal passatempo e, durante anos, acumulou experiências que nortearam a origem deste livro. Uma vez você, uma vez eu é sua obra de estreia. 





Diogo Cysne é um escritor, editor e produtor audiovisual brasileiro. Nascido em Aracaju (SE) em 1992, cursou direito na Universidade Federal de Sergipe e comunicação social na Universidade Federal do Rio de Janeiro, mas abandonou ambas as instituições por extremo desgosto com sua qualidade de ensino. Trabalhou brevemente no Centro de Informação das Nações Unidas para o Brasil (UNIC-Rio) e na Academia Brasileira de Ciências (ABC), que foram umas das experiências mais gratificantes de sua vida. Desde então, tem se dedicado obsessivamente à escrita. Além de "Engrenagem Humana", seu primeiro livro de ficção, concluiu dois romances que ainda aguardam publicação. SAIBA+ | Resenha 



Obrigado a todos pelo carinho para com nosso portal








Tecnologia do Blogger.