Ads Top

Sobre gráficas travestidas de editoras

Google Images

Escrever um livro é uma das maiores aventuras que se pode ter na vida, afinal, é através do exercício da escrita que sua mente o levará para viajar por caminhos desconhecidos e antes nunca explorados em seu consciente.  Quando finalizamos um livro a primeira coisa nós sentimos é o sentimento de realização, de trabalho concluído, de mais uma etapa finalizada, porém, ainda existe um caminho a ser percorrido, a busca pela editora ideal. Muitos escritores novos ou até mesmo experientes andam caindo na laia de algumas gráficas que se aproveitam da ingenuidade ou dos sonhos de alguns autores para lucrar em cima de seus sonhos, e é sobre isso que irei falar hoje em dia.

Estes dias uma editora "x", entrou em contato comigo dizendo que tinha total conhecimento dos meus livros, e que eu poderia ter meu sonho de me publicar através de um selo editorial de grande porte por um preço muito acessível. Obviamente não cai nessa. Procurei na web informações a respeito desta editora que queria tanto publicar meu livro, e adivinha? Não existia fã page, página, website ou localização nos mecanismos de pesquisa usados por mim, a editora simplesmente não existia, porém, exercia seu trabalho editorial "impecável". Honestamente eu achei que fosse um caso isolado, até que um amigo meu entrou em contato comigo e me disse que esta mesma editora havia entrado em contato com ele e que a proposta em publicar-se foi extremamente tentadora, e claro, pediu minha singela opinião, que não foi por nenhum momento positiva.

E hoje eu gostaria de alerta-los sobre alguns pontos, questões e sinais que devem ser avaliados por vocês, SEMPRE que uma "editora" entrar em contato com você, sendo eles:

1. Antes de mais nada, é necessário EXIGIR o website da editora. Lá você poderá ter acesso ao catálogo, verificar a listagem dos autores que publicaram com ela, e claro, ficar por dentro das novidades e ter acesso à telefones e endereço fixo. Desconfie de qualquer editora que só possua como método de contato um e-mail.

2. Procure por opiniões na web. Pesquise antecedentes da editora, quem está por trás, quem publicou, o que acharam, se valeu a pena e se o seu trabalho realmente receberá o devido cuidado exigido em um contrato. A maioria destas pessoas apenas imprimem o livro e enviam, sem revisão, sem diagramação ou qualquer cuidado exigido em uma publicação.

3. DESCONFIE de qualquer contato feito por "indicação", estes são os mais corriqueiros, e geralmente, contam os milagres, porém, os santos ficam de fora. Em outras palavras, se alguém entrar em contato, procure saber como aquela pessoa tomou conhecimento de suas obras, se ela falar que é por pura "indicação", pergunte quem indicou até que seja dito, afinal, você tem todo o direito de saber quem indicou não é mesmo?

4. Procure saber sobre o processo de publicação. Quando seu original é aprovado, a primeira coisa que acontece é as clausulas do contrato, ou seja, você terá ciência de tudo o que a editora preza e visa em uma publicação, como tempo de contrato, ganhos, valores de capa, trabalhos oferecidos e outros detalhes importantes, ah e claro, a capa do seu livro. Se a "editora" não abordar estas questões com você, fique de olhos bem abertos.

5. Se possível, vá conhecer esta editora e as pessoas que irão tornar seu sonho realidade PESSOALMENTE. A quantidade de pessoas que existem por ai sem editora, sem alvará de licença ou sem registro é infinita, infinita MESMO. 

6. Para que uma editora seja considerada uma publisher, ela precisa oferecer trabalhos editoriais, ou seja, todo o processo de criação de arte gráfica do livro até sua finalização para que ele esteja devidamente pronto para venda. A editora ganha para realizar o trabalho editorial e para publicar o seu livro, a gráfica simplesmente imprimi seu livro, tem uma diferença gritante entre os dois, não se deixe enganar.

7. Se a editora for extremamente nova e não possuir antecedentes, procure dizer que vai analisar a proposta e que logo retorna. Se a proposta for boa e você estiver interessado, comece a verificar o andamento de toda editora e sua evolução, até aceitar a tal proposta, nunca aceite de cara e desconfie SEMPRE de quem não possui endereço físico, número de telefone ou ofereça os devidos trabalhos e suporte que todo autor necessita.

Enfim, estes são alguns dos vários pontos nos quais vocês devem abrir bem os olhos antes de fechar um contato. Esteja ciente de que existem muitas gráficas por ai que querem ganhar em cima do seu sonho, imprimindo seu livro e não dando suporte algum. Deixar seu livro disponível no site da "editora", é o mesmo que nada, afinal, ele só vai estar lá e a editora não estará fazendo o trabalho dela para que seu livro seja visto. 

Enfim, é isso. Caso alguém possua alguma experiência que compense nos contar, favor, clique em "contato" e sinta-se a vontade para compartilhar conosco.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.